Address

São Pedro do Estoril, 2765-098 Estoril, Portugal

Contact

Follow

©2018 by Rita Sambado

A importância de definires a tua própria espiritualidade (e o inferno das massas)

May 3, 2016

 

Nunca gostei de massas, de associações, de movimentos aparentemente fortes que acabam por abafar a individualidade de cada um dos seus elementos. Fui sempre defensora do caminho individual. Não por individualismo, mas pela importância de fazermos caminho, de crescermos, de entendermos o material de que são feitos os limites de nós. Sabermos em que é que acreditamos, o que mexe connosco, o que nos faz vibrar.

 

Nestes anos todos de busca, uma certeza encontrei. A minha própria espiritualidade.

 

Foi preciso viajar para a India para perceber que não tinha nada a ver com gurus; andar num colégio de freiras para comprovar que nada tinha a ver com religião, ler muitos livros, para perceber que tinha que escrever a minha própria história.

 

Hoje agradeço tudo isto.

E digo, com uma enorme vontade, o que é para mim espiritualidade.

 

Espiritualidade é a minha essência e o encontro diário com a mesma. É o subtil, o não óbvio. É o ver que num pequeno espasmo de uma perna à noite, está tanto de ti. É confiar na vida. É agradecer (já consigo, ufa!) sempre que alguma coisa acontece diferente do que eu esperava. É reconhecer uma porta que se abre num local que eu não queria entrar!! Ahaha, e assim se move a vida. E é disto que ela fala! De irmos pé ante pé, entender mais um pouco de nós. Sim porque entender da vida, nada mais é do que entender de nós.

 

Se eu tivesse que recomendar hoje um caminho mais curto, apenas diria...

1. aprende a sentir a energia, e a pensar em termos de energia;

2. dedica tempo diário a ti mesmo, ao vazio que te faz sentir cheio;

3. presta atenção a cada pequenino ponto de ti;

4. alimenta antagonismos; estica o que for preciso. (adoro esta!) É deste movimento que nasce o equilíbrio, a verdade de ti.

5. E aprende a trocar o “vou pensar” por “vou sentir”. Porque o teu pensamento está de alguma forma contagiado pelas massas, mas o teu coração é só teu!

 

E acima de tudo sê feliz. É mesmo giro viver!

Com amor,

 

PS – o que partilho hoje, resulta de um caminho diário que começou há mais de 10 anos. Isto é realmente o que gosto de fazer. Ajudar a trazer ao de cima o diamante de cada um de nós. Não hesites em enviar um mail, se achares que eu posso fazer algo pela tua luz. Seja homeopatia, seja acompanhamento individual numa perspectiva de desenvolvimento pessoal.

 

 

 

 

Please reload

Our Recent Posts

Please reload

Archive

Please reload

Tags

Please reload